Abóbora. Saudável e pouco calórica.

Oi meninas,
Como estão vcs?  Eu estou bem. Estou fazendo algumas mudanças mentais para melhorar a perda de peso. Passei a pensar no consumo calórico x gasto calórico. Quanto maior a diferença entre gasto e consumo calórico, sendo o gasto maior que o consumo, estamos emagrecendo. Vi num pacote de shake que para perdermos 1 kilo temos que de deixar de comer 7700kcal, foi isso que me fez pensar e começar a mudar alguns hábitos. Espero ver logo os resultados kkk.

Enfim, prometi que falaria sobre a abóbora né? Pois é, o dia chegou!

A abóbora tem: poucas calorias (95% da sua composição é água) e rica em ferro, cálcio, fósforo, potássio, magnésio, zinco, fibra, riboflavina e vitaminas A, C, E e complexo B, a abóbora em fruto, sementes e óleo insaturado oferece também pigmentos carotenóides, tais como alfacaroteno, betacaroteno (uma xícara de abóbora contém 7,8 miligramas) e luteína.

Valor nutritivo por 100 g:
Calorias: 10 Kcal (0.5% DDR)
Proteínas: 0.3g (0.4% DDR)
Lípidos: 0.2g (0.27% DDR)
Glícidos: 1.7g (0.57% DDR)
Fibras: 0.7g (2.33% DDR)
Vit. B1: 10mg (0.83% DDR)
Vit. B2: 7mg (0.47% DDR)
Vit. B3: 0.5mg (3.33% DDR)
Vit. C: 12mg (26.67% DDR)
Cálcio: 25mg (2.5% DDR)
Ferro: 0.1mg (0.67% DDR)
Fósforo: 20mg (1.54% DDR)
não encontrei dados dos outros elementos...
OBS: as calorias vão variar conforme o preparo. Se usar óleo ou manteiga as calorias vão subir muito.

Benefícios da Abóbora:
O consumo de carotenóides protege o organismo de doenças crónicas (cardíacas e cancerosas) e previne problemas de visão. Segundo o dr. Steven G. Pratt, a abóbora "está repleta de fitonutrientes que mantêm a pele jovem ajudam a impedir os malefícios da luz solar". Já recomendado amplamente por Hipócrates, este fruto também é indicado como bom meio diurético e as sementes maduras (verdadeiras sementes) contêm propriedades vermífugas (pepo-resina e um óleo fixo) que diminuem a capacidade de adesão da cabeça da ténia ao intestino. A polpa é também indicada para as doenças dos rins e do coração que são acompanhadas de hidropisia (Acumulação de serosidade no tecido celular ou numa cavidade do corpo). Todas as variedades de abóbora são também laxantes e depuradoras de tóxicos intestinais que elevam a pressão arterial.  São sempre recomendáveis na tendência para a prisão de ventre e nas hemorróidas. A abóbora é rica em betacaroteno, substância que previne contra câncer, derrame, catarata e doenças do coração. A abóbora ajuda no equilibrio do colesterol, as fibras e a água ajudam a eliminar gorduras e regulam o intestino. Tem minerais essenciais, as sementes da abóbora são fonte de ferro, zinco, fósforo, potássio e magnésio. Revigora a pele, possui vitamina B3 que estimula a formação do colágeno e evita problemas de digestão. 

8 variedades de abóbora:
Estas são as principais variedades, entre as mais de 100 existentes.
Japonesa (ou cabotiã): Mais consistente e menos úmida, a polpa é ideal para preparar pratos salgados, como sopas e refogados.
Espaguete (ou gília): Cozida, a polpa se separa da casca em longos fios, como espaguete. É ingrediente para pratos salgados,
como molhos para massas e refogados com carne-seca.
Italiana: Conhecida como abobrinha, fica ótima refogada, recheada ou grelhada.
Menina brasileira (ou abóbora de pescoço): É a mais comum e a maior de todas. Chega a pesar 15 kg. Pode ser consumida crua, ralada fininha, em saladas e em sucos.
Paulista: É muito parecida com a abóbora de pescoço (acima), só que menor. É boa para sopas, refogados e doces variados.
Moranga: A polpa é usada em refogados e sopas. Misture com carne-seca, frango ou camarão.
Do campo: O formato é o de uma pera. Adocicada, a polpa serve para fazer pães, doces e bolos.
Brasileirinha: Tem a casca verde e amarela, de onde vem seu nome popular. Ótima para refogados.

Como escolher uma abóbora?
A casca deve estar lisa e não ter manchas. Se comprar em pedaços, deve escolher-se os que têm um aspecto fresco, sem manchas acastanhadas à volta das sementes.

Como conservar uma abóbora?
Uma abóbora inteira conserva-se por cerca de dois meses após a colheita a temperatura ambiente, em local arejado e seco. Para congelar, deve cortar-se a abóbora em cubos ou fatias. Se destinada para sopa pode ser congelada crua; de outro modo,  colocar em água e leve para ferver durante 3 minutos ou em microondas por 4 minutos e acondicionar num saco de congelação depois de fria. A abóbora também pode ser congelada em forma de purê.

Como preparar uma abóbora?
As sementes podem ser torradas com sal em forno quente, depois de bem lavadas. Podem ser consumidas como aperitivo ou para polvilhar pratos de massa e tortas.
As flores esmagadas e em suco têm usos dermatológicos e digestivos.
A polpa cuculenta, digestiva e alaranjada da abóbora é nutritiva, saborosa, sã e versátil, podendo ser usada em purês, recheios, pães, bolos, pudins, doces, cozidos, guisados, sopas, saladas de frutas ou salada com pepinos e maçãs, mista de batatas, alface, chicória fresca ou salsa. Deve empregar-se na preparação de quase todas as marmeladas, especialmente na de ameixas, para variar o sabor e dobrar a quantidade, o que se torna um benefício na economia doméstica.
Os brotos chamados de cambuquira, incrementam os ensopados e são servidos como acompanhamento de vários pratos assados.
Apenas a casca da abóbora não deve ser comida.

Para assar: lavar, cortar o topo, cortar às fatias, raspar as sementes e fios com uma colher e cortar em pedaços. Forrar uma assadeira com papel de alumínio, acrescentar água, tapar com papel de alumínio e assar até ficar tenra  (40 minutos). Pode ser untada com azeite, polvilhada com açúcar mascavado e especiarias.
Para cozinhar: o sabor da abóbora cozida fica diluído. Colocar pedaços de abóbora descascada em água a ferver durante 8 a 12 minutos.
No microondas: num prato baixo colocar pedaços de abóbora, tapar e cozinhar durante 8 minutos.
Para refogar: picada ou aos pedaços, a abóbora pode ser refogada em caldo de legumes e/ou azeite durante 8 a 15 minutos.
No vapor: cozinhar os pedaços em casca durante 15 a 20 minutos.

Curiosidade:
Como esculpir uma abóbora para o Halloween?
Ferramentas necessárias:
Abóbora(s) redonda(s)
Uma colher grande
Uma faca afiada
Folhas de jornal
Caneta de feltro
Vela(s)/Luminária(s)
1.Corta o topo da abóbora com a faca em redor do pé de forma inclinada para que a "tampa" não caia dentro da abóbora. O buraco deve ser suficientemente largo para que possas retirar os fios e as sementes com a mão e com a colher;
2.Desenha a figura que deseja numa das faces da abóbora e corta pelas linhas. Retira os pedaços soltos com cuidado;
3.Certifique-se de que tenha raspado bem o fundo da abóbora para que a vela se assente bem e de forma segura. Uma luminária com vidro transparente durará mais e será mais segura; as velas mais simples e brancas são as que mais iluminam a abóbora de Halloween.


Fontes:
http://comezainas.clix.pt
A Saúde Pelos Alimentos, Ernest Schneider (médico), Publicadora Atlântico, 1977
http://www.pumpkin-patch.com
http://www.restaunet.pt
http://www.abhorticultura.com.br
http://www.webmd.com
http://www.wholehealthmd.com
http://www.pumpkincarving101.com

Bem é isso meninas, mais uma delícia pouco calórica que podemos acrescentar nos nossos cardápios sem culpa kkkk.

Amanhã eu posto o selinho que ganhei da Laninha.
bjos Va.

Sobre a autora: Serva do Senhor Jesus, publicadora na web e nas horas vagas artesã. Google Plus | Facebook

6 comentários:

  1. Oi Vá, tbm adoro aboboras, principalmente a moranga, humm rsrs com feijão rsrs (minha vó sempre cozinha ela no meio do feijão, eu adoro) rs, bjao linda, conte sempre comigo!

    ResponderExcluir
  2. eu amo abobora, Quando eu era criança minha mãe me chamava de rabicó ( o do sitio do pica-pau amarelo)kkk, eu não estava vendo as suas atualizações, por isso sumi daqui, pena que so nos duas vamos entrar no desafio da A.F, Ah eu emagreci 1 Kg essa semana...bjbjbj
    Ah quando tiver tudo pronto para o desafio me avise...

    ResponderExcluir
  3. Apóa o primeiro mês também estou me reeducando melhor...melhorando a injestão de calorias e entendedo bem mais do assunto.

    Acho que errei na escrita dos pontos positivos no meu post, janto todos os dias sim...quis dizer que antes jantava 2 vezes no dia e agora só 1.hehehe ai acabou que todo mundo entendeu errado..

    O problema nos olhos foi porque viajei e dentro do avisão a lente que uso quebro e tive que comprar uma num shopping de emergência porque tenho muito grau -4.50 imagina eu na viagem sem ver direito???? ai usei uma que não era indicada pro meu olho e acabei ficando doente..:( Mas já estou no final do tratamento e se tudo der certo na quinta tenho alta pras lentes...

    bjos e ótimo fds

    ResponderExcluir
  4. Oi Va!
    Adorei sua nova foto do perfil!
    Sobre a questao de quanto se gasta e quanto se consome, nao tem jeito é mesmo matematica pura. No entanto lembre-se que se a gente suprime demais o consumo, o corpo reage, gastando MENOS ainda!!! Entao tem que ir com calma, se nao o tiro sai pela culatra!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  5. Vá,

    Amei o post, aliás sempre muito bem feitinhos.

    Sua foto está linda, adorei.

    Estou com problemas para converter o video, mas acho que até terça-feira sai.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Va! Nós e as abóboras...Hummmm....Delícia demais!!!! =)

    Pois é, se deixar eu falava mais de costurinhas do que de gordurinhas no meu blog...hahaha. Mas de vez em quando eu posto alguma travessura por lá! Mas vou adorar se vc passar no outro de vez em quando!!

    Estou aqui em Minas...Só no queijo e no doce...Mas tentando comer beeem pouquinho...rs.

    Bjoooo

    ResponderExcluir

Google+